IGP-M tem alta de 0,32% na 1ª prévia de outubro, segundo FGV

Os preços ao consumidor voltaram a subir e o Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M) avançou 0,32% na primeira prévia de outubro, contra 0,34% no mesmo período do mês anterior, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quarta-feira.

Os dados mostram que o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que tem peso de 30% no índice geral, avançou 0,17% na primeira prévia de outubro, depois de cair 0,12% no mesmo período do mês anterior.

A FGV destacou o comportamento do grupo Alimentação, que desacelerou a queda para 0,14%, ante recuo anterior de 0,92%, graças principalmente ao comportamento do item hortaliças e legumes.

Também colaboraram para o movimento os grupos Vestuário, Habitação, Saúde e Cuidados Pessoais, Educação, Leitura e Recreação, Despesas Diversas e Comunicação.

Já o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) subiu 0,42% no período contra alta de 0,55% no mês anterior. O IPA mede a variação dos preços no atacado e responde por 60% do índice geral.

Dentro do IPA, as Matérias-Primas Brutas passaram a recuar 0,17%, ante alta de 2% anteriormente, com destaque para o comportamento dos itens minério de ferro, bovinos e mandioca.

Por sua vez o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) avançou 0,06%, contra alta de 0,19% na primeira prévia de setembro.

O IGP-M é utilizado como referência para a correção de valores de contratos, como os de energia elétrica e aluguel de imóveis.

Ubiratan Braga

Jornalista, radialista, publicitário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Espaço reservado para publicidade/p>